O início

Começo hoje mais um blog de finanças pessoais, impulsionado pelos tantos existentes hoje em dia, espero manter a média de postagens semanal pelo menos e ir aportando aos poucos, irei falar sobre isso em breve mas antes uma breve história de minha vida, evitando certos pontos pra preservar minha identidade, mas com certeza irei dizer certas coisas que outros blogueiros não diriam, porque não me importo tanto assim com essa de ser anônimo, mas respeito os que pensam diferente.

Tenho 28 anos, a 8 trabalhando na área de TI, como Programador.

Estereótipo de um programador, ou seria de um nerd?

Sempre gostei na verdade de trabalhar e fuçar no computador, desde os 11, 12 anos mexo com computador de alguma forma, então foi um caminho natural aos 20 anos entrar na área de fato, apesar de ter achado um pouco "tarde" a idade que comecei, tenho amigos que entraram antes dos 18, mas isso é relativo.

Como muitos sabem, TI é uma área que paga relativamente bem, em relação a outras áreas, especificamente a área de programação paga muito bem, se você trabalhar na capital, principalmente em SP que costuma ser o "polo" pra isso, que a propósito é o estado que moro.

Mesmo ganhando bem desde sempre por muitos anos fui (e ainda sou mas pretendo aos poucos mudar isso) a típica pessoa dentro da corrida dos ratos, que gastava mais do que ganhava, acumulando dívidas e mais dívidas.

Moro com os pais ainda, pois é, acredito que no meu estado atual de ser solteiro e tentar ganhar o máximo possível de dinheiro faz sentido gastar o mínimo possível, portanto acho válido a ideia de morar com os pais por pelo menos mais alguns anos.

Falando de investimentos desde 2012 estudo sobre o assunto e tive entre 2012 e 2016 alguns investimentos em CDBs do Sofisa Direto, banco online bem conhecido entre a blogosfera financeira.

Em Setembro passado fui demitido da empresa de TI que trabalhava no interior de SP, após 2 anos trabalhando nesta empresa (meu recorde pessoal, normal pro pessoal de TI ficar pouco tempo em cada empresa) e, como "bom" rato ao invés de usar o dinheiro do FGTS e Seguro Desemprego pra poupar e investir, o que eu fiz?

Eu usando meu FGTS ano passado

Exatamente isso, torrei o dinheiro. Como minha área tem uma constante carência de profissionais qualificados (a maioria cai de paraquedas só porque paga bem e esquece que é obrigatório viver estudando já que a tecnologia evolui toda hora) eu meio que me acomodei na busca de emprego e resolvi deixar pra quando meu seguro desemprego estivesse acabando, em Abril.

Nunca deixe pra última hora o que você pode fazer antes

Obviamente foi uma péssima ideia porque o dinheiro acabou e eu fui fazendo entrevistas e mais entrevistas e pasmem: até a área de TI foi afetada pela crise!

Comecei a fazer entrevistas em Março, após mais de 10 entrevistas, viagens pra locais variados da grande SP eu acabei conseguindo um emprego em parte pelo famoso QI (Quem Indica), em Julho deste ano, em um local bom, longe de onde moro mas como já estava acostumado com essa vida de viajar todo dia eu aceitei tranquilamente, e ainda com um salário compatível com os padrões da grande SP, mesmo sem precisar trabalhar nessa região.

E hoje estou nesta empresa, a pouco mais de 1 mês, já fazendo horas extras, e como ganho por hora (sou PJ, tipo um prestador de serviços que emite nota fiscal e recebe por isso, sem vínculo empregatício, muito melhor que CLT na minha opinião mas isso é polêmico), quanto mais eu trabalhar mais irei ganhar, o que é bom porque quero manter meu padrão de vida o mais baixo possível para poder aportar cada vez mais.

Venho lendo e estudando sobre finanças e investimentos e espero futuramente começar a aportar mas antes disso preciso quitar umas dívidas que fiz quando estava desempregado, com cartões principalmente que colocaram meu nome no famoso Serasa.

Portanto os objetivos para os próximos meses serão:

  1. Limpar o nome, bem mais valioso que temos, depois do conhecimento
  2. Fazer a reserva de emergência, porque hoje mesmo não tenho e sei que é necessário
  3. Começar a investir em renda fixa inicialmente
  4. Diversificar investimentos com renda variável
  5. Avaliar de investir no exterior e principalmente em Bitcoins
Conto com a ajuda dos blogueiros de finanças, vou adicionar vários deles ao meu blogroll em breve e espero aprender e compartilhar mais da minha vida financeira com vocês, na medida do possível.

Abraço.

Comentários

  1. Fala programador, bem vindo a finansfera mano, parabens pela atitude de mudança. Eu sou técnico em informatica, mas não trabalho na área, até queria fazer superior na area, mas na minha cidade não tinha, então quando mudei pra outra cidade acabei fazendo admnistração mesmo, tenho muita vontade de entrar novamente na area de TI, mas to com receio de ter que fazer outra faculdade, afinal nao estou mais com 20 anos, estou na duvida entre outra faculdade e uma pos, mas o duro é na região que estou não há muitas vagas. enfim é uma área boa, mas tem que começar cedo e eu não estou mais tão jovem. são muitas dúvidas e indecisões. vou te add ao meu blogroll, se puder fazer o mesmo. sucesso ai na jornada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Maromba, blz?

      Cara, na boa, faculdade é importante mas não é obrigatório, ainda mais na nossa área de TI que não é regulamentada, você só precisa mostrar que sabe.

      Na internet mesmo você encontra muitos tutoriais gratuitos de Lógica de Programação e Programação Orientada a Objetos, 2 temas imprescindíveis para quem quer ser Programador, depois basta você escolher uma linguagem (as que geralmente pagam mais em SP são C# e Java) e aprender a sintaxe dela.

      Eu diria pra você investir nisso cara, vai fundo que a área vive precisando de gente e paga muito bem, lógico que no início você talvez ganhe pouco, mas com poucos anos seu salário pode triplicar e muitas portas abrirem.

      Vou te add no blogroll, pode deixar, obrigado pelo comentário.

      Excluir
    2. Fala IP, então mano como falei me formei técnico em Informática e tinha Java e pouco de C++, gostei de java e aprendi um pouco sobre, mas acho que o nível é bem baixo ainda. como faria esse ingresso mano a partir de que nível já é possivel adentrar no mercado? e as faixas realistas por ai? o duro dessa área é que nego quer que vc saiba, java, c, c++, php, html, css, ruby, phiton, e outras mil coisas,

      Excluir
    3. Então, no começo é sempre complicado, se você conseguir mostrar que sabe pelo menos o básico, criar um programa simples o suficiente pra fazer você passar em um teste prático e também souber alguns conceitos a respeito de lógica de programação/programação orientada a objetos você consegue um estágio ou até uma vaga como Junior em uma empresa.

      A questão é que depende muito da região que você vive, na capital SEMPRE pagará mais que no interior, isso é meio óbvio porque o custo de vida na capital é 2, 3x maior que no interior.

      Por exemplo: na grande SP paga-se uns 1.500 pra Programador Junior em C# como CLT, um pouco mais se for Programador Java, historicamente Java paga mais que C# mas sempre preferi a linguagem da Microsoft por inúmeros motivos que não cabe escrever aqui pra evitar da resposta ficar maior do que já está.

      Procure tabelas de média salarial que você irá encontrar mais valores compatíveis, por exemplo: http://www.apinfo2.com/apinfo/informacao/p12sal-br.cfm neste link tem alguns valores, não tem níveis mas pelo menos te da uma base.

      Essa questão deles solicitarem que você saiba de tudo infelizmente é comum, é uma área que paga bem mas que também exige muito da pessoa, constante aprendizado de tecnologias novas, por isso precisa pensar com calma se você quer entrar só pelo salário ou também porque gosta.

      Abraço.

      Excluir
    4. Ah, esses 1.500 que falei são pro cara com 1 ano de experiência ou menos, as vezes o salário é menor porque contratam como estagiário, mas por 6h de trabalho, a sua evolução salarial é absurda se você continuar estudando e crescendo, em questão de poucos anos já passa dos 5k facilmente.

      Abraço.

      Excluir
  2. Segue o link
    https://marombainvestidor.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adicionado ao blogroll e o blog a lista de favoritos pra ler daqui a pouco.

      Abraço.

      Excluir
  3. E aí IP! Vejo que você cometeu os mesmos erros de muitos brasileiros! Que bom que você está numa área que de fato paga muito bem! Isso vai te ajudar a chegar em patamares altos mais rápidos!
    O primeiro passo você já deu, que é de fato admitir que o caminho estava errado e buscar as primeiras mudanças! Seu blog tem tudo para prosperar, eu desejava ter iniciado com meu blog quando ainda estava no começo da minha acumulação...parabens pela iniciativa!
    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo comentário IFM!

      Sim, cometi muitos erros e um em especial quando comecei a investir em CDBs lá em 2012 que pretendo fazer um post em breve sobre isso, que serviu como aprendizado pra eu cometer menos erros atualmente, espero conseguir acertar de agora em diante kk, por isso é muito importante a blogosfera de finanças.

      Obrigado pelas palavras, acredito conseguir evoluir com a ajuda do pessoal e sair da posição de devedor para acumulador.

      Abraço e sucesso pra todos nós!

      Excluir
  4. Seja bem vindo a blogosfera IP!

    Cara, tenho vontade em mudar da clt para pj. Gostaria de usar o MEI, mas essa po** não atualiza os valores. Ainda continua com 60 mil anuais. Você usa o MEI ou está em outra categoria?


    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado II!

      Cara, se não me engano o limite do MEI são 72 mil anuais, mas posso estar enganado.

      Como iria estourar o limite no meu caso e a empresa que presto serviços não aceitaria decidi abrir Limitada optante pelo Simples, assim pago "apenas" 6% do valor da nota emitida.

      Infelizmente pra TI o mínimo é isso aí, MEI é ruim porque se você estourar muito o limite tem que ficar pagando multa pra Receita Federal e isso pode dar problema lá na frente, então prefiro evitar.

      Excluir
    2. Infelizmente é 60 mil anual mesmo... Vou fazer as contas para ver se compensa sair da clt. Valeu!

      Excluir
    3. Cara, independente de você ser ou não de TI, existe uma planilha de comparação de CLT vs PJ no link abaixo, acredito que irá te ajudar:

      http://www.apinfo.com/apinfo/inc/sal.cfm

      Abraço.

      Excluir
  5. Respostas
    1. Obrigado amigo, te adicionando ao blogroll, se puder faça o mesmo, valeu.

      Excluir

Postar um comentário